O papel da criatividade na resolução de problemas | Blog Unigran Net

Você sabia que a criatividade na resolução de problemas é uma habilidade que você pode desenvolver? Isso mesmo! A criatividade não é um dom exclusivo de poucos sortudos que nascem com ela. É uma habilidade que podemos desenvolver para usar a nosso favor e tornar nossa vida pessoal e profissional ainda melhor.

E foi pensando nisso que preparamos este post! Continue lendo para saber mais sobre a criatividade na resolução de problemas e o que fazer para desenvolvê-la!

A importância da criatividade

A criatividade é o pontapé inicial para superar os desafios que surgem no cotidiano das empresas — seja um pequeno problema que afeta um processo interno, seja um grande problema impacta todos os setores do negócio.

Quando buscamos soluções criativas, quebramos a rotina profissional, trabalhamos nossa intuição e nos abrimos para infinitas possibilidades. Ou seja, passamos por caminhos diferentes para resolver problemas que afetam nosso trabalho e nos impedem de alcançar os resultados desejados.

Além disso, a inovação fica mais perto do negócio e pode se tornar uma realidade que vai gerar resultados positivos para a empresa. Afinal, a criatividade é a mãe da inovação! É a partir de uma ideia que produtos e serviços inovadores surgem e mudam a forma como realizamos determinadas atividades.

Mas vale frisar que a criatividade sozinha não vai resolver todos os problemas. É preciso agir! Colocar a mão na massa após o surgimento da ideia é o que vai mudar a situação atual da empresa para melhor.

Como usar a criatividade na resolução de problemas

Veja o que você pode fazer para usar a criatividade no trabalho sempre que precisar:

Observe com um novo olhar

Observar os processos e acontecimentos com um novo olhar é fundamental para despertar seu potencial criativo. Essa prática nos tira da zona de conforto e nos faz enxergar novos ângulos e soluções que antes não estavam visíveis.

criatividade mural

O Post-it, por exemplo, é um fruto desse novo olhar. A cola de baixa aderência desse produto já havia sido inventada na empresa, mas não tinha um uso prático. Foi durante um ensaio de coral que um dos cientistas da 3M observou seus marcadores de papel com um novo olhar. Resultado: teve a ideia de usar a cola para segurá-los na partitura e poder ensaiar tranquilamente. Foi a partir desse pensamento e da sua implementação que surgiu o bloco de notas mais famoso do mundo.

Faça questionamentos

O segundo passo é questionar sempre! Ao observar as pessoas, os processos e eventos ao seu redor, pergunte-se porque acontecem dessa forma.

Mas atenção! Não aceite respostas habituais e limitantes, como “porque sim” ou “porque é assim que sempre foi e deve ser”. Faça perguntas inteligentes que vão te levar a encontrar respostas criativas.

Misture universos

Misturar universos é uma atividade excelente para usar a criatividade na resolução de problemas. Para usá-la, basta começar a pergunta com “E se…?”.

Podemos encontrar um exemplo relativamente recente dessa mistura de universos no artesanato. O crochê é uma técnica antiga usada para produzir roupas e artigos decorativos com linhas e barbantes específicos para esse fim.

Por volta de 2016, o fio de malha, produzido com sobra desse tipo de tecido, começou a ser usado nessa técnica. Ou seja, alguém fez a pergunta “E se eu usar fio de malha para fazer crochê?”. Resultado: o uso desse fio cresceu rapidamente e não faltam peças que podem ser produzidas com esse material não convencional e comercializadas em feiras, lojas de acessórios e grandes lojas de decoração.

Use o pensamento abstrato

Quando alguém faz uma charada você geralmente espera uma resposta inusitada, não é mesmo? É só ouvir a pergunta “qual a diferença entre…?” que já aguardamos uma comparação criativa.

Esse mesmo comportamento pode ser adotado para poder usar a criatividade na resolução de problemas. Portanto, deixe de lado o pensamento concreto que reina no cotidiano profissional. Use todo o poder do pensamento abstrato para aumentar as chances de solucionar seu desafio.

Utilize a restrição

Pode parecer contraditório, mas a restrição pode ser uma poderosa ferramenta para a criatividade. Ao restringir elementos a serem usados para resolver um problema, você facilita a improvisação e aumenta as chances de encontrar a solução ideal.

Não tenha medo de se expor

Por fim, não tenha medo de expor suas ideias! Use o brainstorming para conseguir reunir o máximo de sugestões da sua equipe. Nessa técnica, você e seu time podem expor ideias simples e mirabolantes que tiverem sem a preocupação de serem julgados pelos colegas de trabalho.

Pronto! Agora você já sabe como usar a criatividade na resolução de problemas. Que tal se inscrever no curso livre de Criatividade e Inovação para aprender ainda mais sobre o tema?



Postagens Relacionadas