Como a lava modifica o solo? | Blog Unigran Net

Você sabe onde estão localizados os solos mais férteis e ideais para a plantação no mundo?

Ao parar para pensar nessa questão, fica fácil imaginar que seja o solo de florestas cheias de material orgânico ou próximo a rios e fontes de água, não é mesmo?

No entanto, a fertilidade desses locais nem se compara ao nível incrível apresentado pelos solos vulcânicos.

Apesar da fama voltada para a destruição, a lava modifica o solo de forma superpositiva, graças a sua composição rica em elementos essenciais.

Por enriquecer o solo e promover o sucesso na agricultura, é comum ver a presença de comunidades e grupos de produtores nessas regiões.

Se você até hoje se questionava o motivo de pessoas não abandonarem essas áreas, agora já pode entender melhor o porquê. 

O que é o solo vulcânico?

Os vulcões são montanhas com aberturas na crosta terrestre. Através dessa abertura, a lava (ou magma) da terra pode ser expelida para a superfície do planeta. O que gera o fenômeno da natureza conhecido como erupção vulcânica.

A erupção vulcânica nada mais é do que o derrame das rochas em estado de lava. Nessa condição, ela se esparrama com facilidade e de forma rápida, sem importar o que está pela frente.

A erupção vulcânica é um derrame de rochas em estado de lava. (Fonte da imagem: Vix)

É desse acontecimento que é propagada a visão temerosa e assustadora sobre os vulcões. Estes que muitas vezes destroem comunidades, propriedades, natureza e tudo o que estiver em seu caminho.

No entanto, após o resfriamento desse material, o conteúdo que se solidifica sobre a superfície cria uma maravilhosa modificação do solo.

Ou seja, um novo solo nasce, com um potencial de fertilidade muito maior que o anterior.

Como a lava modifica o solo – e o torna o mais fértil do planeta!

Quando um vulcão entra em erupção, além da lava, ele expele uma grande quantidade de cinzas. Estas podem ser observadas em formas de nuvens densas e com cores mais turvas.

Essas cinzas vulcânicas são recheadas de nutrientes. E podem apresentar composições diferentes dependendo da composição do magma de cada vulcão.

Entre os elementos em maior quantidade estão a sílica e o oxigênio. Além disso, também é comum uma grande quantidade de dióxido de enxofre, dióxido de carbono e cloreto de hidrogênio.

Além das cinzas, outro fator que faz com que a lava modifique o solo positivamente são os pedaços de rocha que se espalham pela superfície, como o basalto e o feldspato.

Esses dois tipos de rocha apresentam uma grande quantidade de minerais importantes, como o potássio, o magnésio e o ferro.

Esses minerais são os principais ativos de fertilizantes industriais que focam na melhora da qualidade do solo para a agricultura. Ou seja, a lava faz esse papel e dispensa o uso de produtos com essa função. O que torna o cultivo ainda mais barato, lucrativo e atrativo!

Como resultado disso, a expansão das áreas cultivadas em regiões vulcânicas contribuiu muito para a economia desses locais.

Um exemplo são as viniculturas em solo vulcânico. Conhecidas pela produção de vinhos de excelente qualidade, encontram-se na Itália, Hungria e Nova Zelândia.

Além disso, recentemente a Costa Rica o solo vulcânico também trouxe destaque na produção do café especial.

O investimento em agricultura contribuem para os locais de solo vulcânico. (Fonte da imagem: Tri Curioso)

Já no Havaí, o vulcanismo foi essencial para a expansão da agricultura. O cultivo de alimentos como batata-doce, abóboras e cenouras contribuíram para o surgimento de empresas agrícolas que transformaram a economia do estado.

Outros benefícios

Além de adubar a terra, a lava também apresenta outros benefícios e usos. Por exemplo, como matéria-prima para produtos de limpeza e até mesmo construções civis, estradas e prédios.

A formação de pedras preciosas também enriquecem o solo e possibilitam a exploração para extração de minerais como ouro, diamantes, ferro e enxofre.

Esses e outros benefícios nos levam a concluir sobre a importância dos vulcões para sistemas variados e para as regiões onde eles se encontram.

Apesar de toda a bravura da natureza, é possível aproveitar esses recursos e desenvolver regiões com solo vulcânico de uma forma natural e sustentável. Porém, o grande desafio dos estudiosos está em monitorar riscos e alertas para as erupções de grandes proporções.

Quer saber mais sobre como os Geólogos podem contribuir para esse setor? Então conheça agora mesmo o nosso curso de Geografia!


Postagens Relacionadas