fbpx
De onde vem a criatividade? | Blog Unigran Net

Essencial para qualquer realidade profissional, a criatividade pode ser uma grande aliada na resolução de problemas. Mas, nenhuma ideia brilhante surge do nada e pensando nisso, de onde vem a tal da criatividade?

Por trás de um “Eureka!”, há muito esforço envolvido e é isso que você vai descobrir neste artigo. Acompanhe!

A criatividade como aliada na vida profissional:

Ser criativo é considerado uma das principais características dos novos profissionais, isso porque o mercado parece cada vez mais saturado de tanto conteúdo. Sendo assim, se destaca a empresa que melhor consegue se colocar de forma diferenciada das demais. 

Contudo, essas manifestações apenas surgem quando há a compreensão de que a criatividade não é inimiga desse processo, mas sim a melhor aliada! 

Aquela ideia de que a criatividade é um dom que poucos tem não é verdadeira. Ainda que alguém seja muito bom em ter novas ideias, esse comportamento é resultado de hábitos e estímulos constantes.

Dentro do mercado de trabalho, se destacam aqueles que têm interesses diversos e que, em razão dessa curiosidade, sugerem ideias diferentes que fazem a marca se destacar dentro do seu segmento. 

E afinal, de onde vem a criatividade?

A criatividade não é um dom especial, não é sorte e muito menos mágica. Ninguém nasce criativo!

A verdade é que a fagulha de criatividade está sempre presente em mim e em você, em cada um de nós, mas precisa ser tratada adequadamente para se tornar aplicável em cada realidade.

Mas se ela está dentro de todos, por que alguns parecem desenvolver isso muito melhor? Isso também é explicado. 

A criatividade e sua intensidade depende de diversos fatores. Por exemplo, o ambiente no qual determinada pessoa está vivendo pode ser essencial para nivelar sua capacidade criativa.

(Fonte da Imagem: Freepik).

Além disso, a infância também é capaz de contribuir com nosso alto ou baixo nível de criatividade. Afinal, é nela que experimentamos uma capacidade incrível de absorver conteúdo novo e criar coisas novas. 

Pintar, desenhar, criar, recortar, montar quebra-cabeças. Tudo fazia parte de um grande estímulo criativo e toda criança precisa passar por isso. Pois, ainda que pareça uma atividade boba, elas moldam o senso criativo e refletem nas ideias até a vida adulta.

Mas, se você não teve tanto contato com essas tarefas na infância ou acha que ainda lhe falta um pouco de criatividade. 

Lembre-se, a criatividade não é dom! Então, pegue papel e caneta para anotar todas as dicas do próximo tópico. 

Hábitos que estimulam a criatividade:

Seja um observador:

O simples ato de tirar os olhos das telas e olhar o ambiente ao seu redor pode melhorar muito a sua criatividade. 

Aliás, vale a pena investir em uma decoração que também te ajude nessa estimulação da criatividade. Tal como, pôsters, fotos ou outros itens que te tragam à memória situações fora do ambiente de trabalho. 

Crie o hábito de parar e simplesmente observar o local, as pessoas e os acontecimentos, nem que por apenas alguns minutos do dia.

Invista em arte:

Seja através de um filme, série ou livros, invista em arte! Além de aguçar seu senso crítico, todos esses materiais têm o poder de te levar para realidades diferentes da sua e te introduzir a pessoas diferentes das já estão presentes no seu cotidiano. 

Isso te tornará capaz de enxergar alternativas diferenciadas baseando-se na criatividade daquele escritor, diretor ou roteirista. Use a criatividade dos outros como um combustível para a sua!

Se mantenha antenado:

Já se foi o tempo em que os estudos e competências se mantinham sólidos durante muitas décadas. 

Hoje, tudo se transforma de maneira rápida, novos aplicativos são lançados, novas teorias criadas e é imprescindível que um profissional se mantenha atualizado para conseguir ser criativo na sua área.

Converse com outras pessoas sobre o assunto: 

Diferente do que a maioria pode pensar, o processo de estímulo da criatividade não precisa ser feito de maneira isolada. 

É interessante criar uma conexão com outras pessoas e ouvir quais são suas ideias, opiniões e visões a respeito do assunto que você deseja trabalhar. Dessa forma, você enriquece sua bagagem cultural consultando pessoas que vivem em realidades diferentes da sua. 

Gostou de saber um pouco mais sobre a criatividade e como estimular ela? 

Você pode acessar outros artigos de dicas e curiosidades acessando a nossa ala do Blog Unigran EAD. 

Conheça também as graduações da Unigran EAD clicando aqui.


Postagens Relacionadas