fbpx
Freelancer: quais as áreas mais promissoras? | Blog Unigran Net

Uma grande alternativa para os profissionais e empresas num cenário pós pandemia, o trabalho freelancer tem ganhado muita força! Mas quais são as áreas mais promissoras para investir e começar a atuar? 

Neste artigo, explicaremos tudo o que você precisa saber para entender o mercado, para encontrar trabalhos e para se destacar! Vamos lá?

O que significa freelancer?

“Freelancer” é uma palavra em inglês e que foi trazida para o Brasil. Em sua tradução literal ele quer dizer “trabalhador autônomo”.

De modo geral, podemos dizer que o trabalho de um freelancer se diferencia do tradicional  apenas por um motivo específico: o contrato firmado entre um profissional e uma empresa. 

Isso porque os freelancers realizarão suas funções a partir de uma prestação de serviço esporádico, sem vínculo empregatício. 

As áreas mais promissoras para um profissional freelancer

Um estudo chamado fast 50 feito pela Freelancer, uma das plataformas mais notáveis na comunidade internacional, aponta quais são os tipos de trabalhos que mais cresceram no mercado desses profissionais em cada trimestre. 

Por exemplo, no último trimestre de 2019 com o primeiro de 2020, houve uma alta demanda na área da tecnologia: 

  • 18,12% — Programação;
  • 16,91% — YouTube;
  • 15,50% — Desenvolvimento de jogos;
  • 10,74% — Implementação de blogs;
  • 10,61% — Marketing de Instagram;

Para se destacar nas áreas que estão em alta é indispensável manter-se informado e em constante estudo. 

No caso da Programação e até no Desenvolvimento de jogos a graduação em Engenharia de Software ou Análise e Desenvolvimento de sistema podem ser um excelente diferencial para garantir uma remuneração melhor e, claro, mais domínio no que faz. 

Mas, para os interessados em Blogs ou no famoso Marketing de Instagram, há a opção de graduação em Marketing que além de preparar os profissionais para as redes sociais, também amplia sua visão de mercado para outras áreas. 

Já entre janeiro e março de 2021, estas são algumas das áreas que ganharam destaque: 

  • Fotografia –  50.21 %
  • Extração de Dados – 26.25 %
  • Redator de Blog – 24.75 %
  • Design de Interiores – 20.18 %
  • Arquitetura -16.99 %

Por onde começar a atuar como freelancer?

Área de atuação: Primeiro você precisa encontrar uma área para atuar. Pense no que você gosta de fazer e qual área se identifica mais. 

Se organize: Se você trabalha como CLT é preciso ter uma agenda para que você não se perca! Analise se irá manter as duas rendas e prepare-se financeiramente para a situação.

Leia também: Urgente ou importante? Aprenda organizar seu tempo 

(Fonte da Imagem: Kxcdn).

Defina seu preço: Quanto você vai cobrar pelos seus serviços? O ideal é você calcular o quanto gastará para executar essa tarefa e definir no mínimo um valor por hora para iniciar. 

Ambiente e ferramentas: Você tem todas as ferramentas necessárias para executar o serviço? Seja no home office ou trabalhando fora, busque o equipamento necessário para não ter problemas. 

Por fim, vale destacar que para te ajudar a se posicionar melhor nesse mercado, invista em educação! Com o ensino à distância se tornou ainda mais fácil dar esse passo com segurança. A Unigran EAD tem ensino reconhecido pelo MEC e mais de 36 cursos de graduação para você escolher. 


Postagens Relacionadas