fbpx
A Relação de Turismo com Crescimento Econômico | Blog Unigran Net

Existem muitos lugares incríveis ao redor do mundo, aqueles que fazem os olhos brilharem e que se encontram na lista de destinos dos sonhos de muitas pessoas que amam o turismo.

Muitos desses lugares usam a sua magia visual e experiências incomparáveis para movimentar a situação econômica do país a partir do turismo. 

Nesse artigo você irá entender a relação entre o turismo e o crescimento econômico de uma determinada região. Acompanhe!

O QUE É TURISMO E COMO SURGIU 

Antes de entender como ele influencia na economia, primeiro é necessário compreender o que o turismo realmente significa. A atividade turística tem vários conceitos como definição, mas pode-se ressaltar como ato de viajar com fins de entretenimento e conhecimento de novas culturas.

O turismo como atividade organizada, só aconteceu no século XIX, após a iniciativa de Thomas Cook ao organizar a primeira excursão de trem na Inglaterra em 1841.  

Essa expedição turística tinha como destino a Escócia, que mais a frente tornou-se o local de grande negócio para Cook. A população demonstrou muito entusiasmo com a chegada dos ingleses turistas, chegaram a atirar para o alto para dar boas vindas, além de terem bandas que tocam músicas e discursos que eram feitos ainda na plataforma do trem. 

Com o sucesso dessa viagem, 20 anos depois a excursão para Escócia tornou-se um produto mais lucrativo da companhia de viagem de Thomas Cook. Ele se tornou muito conhecido e é lembrado até hoje por promover grandes roteiros de viagem, além de oferecer livros para os clientes que cruzaria uma fronteira pela primeira vez.

Até os dias de hoje, a empresa fundada por ele é a maior do mundo no setor de turismo. Tornou-se uma empresa privada, mas ainda é estudada e analisada por muitos profissionais pela ousadia de trazer algo novo a cultura inglesa e criar então o conceito real de turismo.

IMPORTÂNCIA DO TURISMO PARA A ECONOMIA 

A atividade turística é, sem dúvidas, uma das mais importantes no setor econômico. Além de criar novos negócios, também aumenta produção de emprego. 

Isso porque traz movimentação para determinadas localidades e consequentemente possibilita melhorias na infraestrutura visando atender melhor os turistas e também a comunidade local.

Por meio do turismo, há maior movimentação em hospedagens, restaurantes, meio de transporte e outros serviços de uso comum. Portanto é inegável que a implantação da atividade turística tem influência direta no desenvolvimento econômico. 

Isso considerando que gera cada vez mais empregos para os habitantes daquele local, seja em bares, lanchonetes, hotéis e até mesmo na saúde pública, que precisa ter um investimento maior para atender os que vêm de fora.

Vale ressaltar que o turismo também é responsável em auxiliar a valorização de atributos culturais de uma determinada região, tendo em vista que muitas pessoas também viajam apenas com objetivo de conhecer e desfrutar de culturas diferentes das do seu cotidiano. 

Tais movimentações enchem bares, casas de shows, teatros e até os grandes museus que carregam grande bagagens históricas. 

ALGUNS DESTINOS TURÍSTICOS FAMOSOS

A cidades ou regiões turísticas são aquelas com alto potencial para receber visitantes, seja pela sua beleza natural e arquitetônica, cultura, história ou outros eventos típicos. 

Vale ressaltar que quando uma cidade reconhecida como turística, ela pode até receber um subsídio financeiro para investir mais no quesito turismo. 

Veja alguns destinos muito comuns entre os viajantes:

SALVADOR (BA) / BRASIL

O Brasil ocupa o 13º lugar como maior economia turística do mundo e também como maior empregador nesse setor. Tudo isso em favor de ser considerado um país rico no que diz respeito à diversidade naturais, como é o exemplo da região Nordeste e sua cultura calorosa, com festas e eventos mundialmente conhecidos, como o carnaval e as festas de São João. 

Salvador é um dos locais com o maior destaque e é visto como grande referência quando o assunto é turismo no Brasil. O Pelourinho, bairro da cidade, carrega grandes características históricas e por isso não há nenhum turista que vá até Salvador e não queira passar por lá. 

As ruas de paralelepípedos contam com vários bares de caipirinha ao ar livre. Além disso, existem lojas que vendem souvenirs afro-baianos e em todas as praças é possível encontrar músicos e dançarinos que carregam alegria tão característica dessa região. 

Catedral Basílica de Salvador (Fonte da Imagem: Cronicas Macaenses).

A igreja e Convento de São Francisco e a Catedral Basílica de Salvador também são grandes pontos turísticos coloniais. Além da Casa do Carnaval que mostra exposições e fantasias das e icônicas festas de rua conhecidas no mundo todo.

Outros pontos turísticos de Salvador também são as praias, a Baía de Todos os Santos, Mercado Modelo e Forte de Mont Serrat.

AMSTERDÃ / HOLANDA 

Uma ótima opção para quem adora turismo é a bela capital holandesa, Amsterdã é uma das principais atrações para grande parte da população do mundo. Isso porque conta com os melhores museus, muita história, romantismo e parques. 

Essa cidade é muito preparada para receber turistas, tanto que há várias regiões com muitos canais, cafés e restaurantes de todos os tipos, ideal para quem pretende experimentar a culinária desta região. 

Além disso, os museus de Amsterdã são mundialmente conhecidos! Van Gogh, Rijksmuseum, Heineken Experience e Madame Tussauds são excelentes referências pela sua grande presença de história, valorização de artistas de cinema, políticos e personalidades das mais diversas áreas.

Vale ressaltar “A Casa de Anne Frank”, através dessa visita os turistas podem observar e sentir os horrores da segunda guerra pelos olhos de Anne Frank. Pois, o local é o anexo secreto em que a menina viveu com sua família escondendo-se dos nazistas por dois anos. 

Casa de Anne Frank (Fonte da Imagem: Uol).

Um dos parques mais famosos de Amsterdã atrai uma grande quantidade de turistas de todos os lugares do mundo, não apenas pela sua área verde, mas também pelo seu lago, pista de corrida, restaurantes e gramados muito limpos para um belo piquenique. 

O parque ainda conta com eventos ao ar livre, então torna-se uma atração ainda mais divertida e indispensável para aqueles que desejam visitar a capital holandesa. 

Aos que desejam levar lembranças para durante o período de visita, há uma grande feira a céu aberto. É possível encontrar roupas, sapatos, comidas, itens de decoração e produtos de beleza característicos da Holanda. Excelente opção para presentear os amigos!

HONG KONG / CHINA

Uma cidade exótica localizada na região sudeste da China, esta ilha é considerada um dos maiores centros financeiros de todo o mundo. A sua estrutura e arquitetura diferenciada atrai muitos turistas, mas também abriga mais de 7 milhões de habitantes. 

Aos que gostam de conhecer culturas diferentes, este destino é perfeito! Na cidade é possível encontrar muitos traços de modernidade europeia em meio a cultura chinesa, isto porque antes da cidade pertencer à China, ela foi colonizada pela Inglaterra. 

Buda Gigante (Fonte da Imagem: Melhores Destinos).

Entre os principais pontos turísticos da cidade, encontrasse a visita ao famoso Buda gigante – Tian The Buddha. Essa estátua demorou 12 anos para ser finalizada e é muito respeitada por toda a população. Durante esse passeio é possível pegar o teleférico que faz todo o trajeto até o Buda, uma experiência marcante com direito a vista das matas, cachoeiras e do mar. 

Para os amantes de compra, o Mercado das Flores de Mong Kok ou Mercado Noturno de Temple Street são destinos ideais. Isso porque, existem muitas opções de compra, a cultura é fortemente manifestada através de todos os itens que ali são vendidos, incluindo as comidas.

Além disso, em Hong Kong há muitos mosteiros mundialmente conhecidos por suas infinidades de estátuas e restaurantes vegetarianos característicos da cultura chinesa. 

BANGKOK / TAILÂNDIA

Conhecida pelos seus santuários ornamentais e pela animada vida urbana, Bangkok é a capital da Tailândia e uma das cidades turísticas mais procuradas.

Sem dúvidas a visita ao Grand Palace não fica de fora da viagem turística, isso porque o local é gigante e tem um significado histórico para Bangkok. O templo tornou-se muito importante por sua arquitetura deslumbrante e por passar anos representando a sede administrativa do governo tailandês. 

Os templos, no geral, são locais religiosos e por isso é preciso respeitar as regras para conseguir entrar. É uma questão de respeito e cultura, então não se pode ir de barriga de fora e roupas que marquem muito corpo. As pernas devem estar escondidas, portanto shorts e saias não são permitidos, ainda que seja muito calor.

Asiatique (Fonte da Imagem: Fly Aways Homes).

Porém, os templos não são a única atração interessante e que faz os olhos dos turistas brilharem na capital da Tailândia. No shopping a céu aberto muito moderno é possível adquirir presentes e lembranças que marcaram a viagem.

Feito para agradar os turistas, o local se chama Asiatique The Riverfront, funciona apenas durante a noite e tem mais de 1500 quiosques. Sem contar os restaurantes e barraquinhas com a típica comida tailandesa.

Mas para que isso funcione corretamente, é necessário que a cidade tenha uma infraestrutura que atenda todas as necessidades dos turistas. Seja na construção de estradas, aeroportos, serviços de água e esgoto, tudo é levado em consideração para usar o turismo como movimentação econômica.

Se você se interessa por esse assunto e quer saber mais, a graduação de Gestão de Turismo da Unigran EAD foi feita pra você! Clique aqui para saber mais.

Leia mais sobre Turismo de Eventos clicando aqui.


Postagens Relacionadas