fbpx
O Coronavírus afetou minha empresa: o que fazer? | Blog Unigran Net

Em meados de 2020, estamos enfrentando uma crise de saúde pública que está causando – e ainda causará – danos irreversíveis às estruturas da humanidade, causada pelo coronavírus. Além das mudanças sociais impostas pelo isolamento social, os especialistas indicam uma iminente crise econômica, sem precedentes na nossa história. 

As notícias recentes comprovam: já estamos no limiar desta recessão. Segundo dados do IBGE, o PIB (Produto Interno Bruto) brasileiro diminuiu 1,5% no 1º trimestre/2020, além da previsão da dívida pública atingir 93,1% do PIB,  em um rombo estimado em R$ 601,2 bilhões.

Para quem que já estava sofrendo com a longa estagnação econômica, o futuro não é muito animador. No entanto, é neste cenário de incertezas que novas oportunidades podem surgir. Uma  gigantesca mudança no tabuleiro do mercado está prestes a ocorrer. 

Mas, por pior que o coronavírus possa parecer, temos um fato: ele passará! E todas as empresas devem agir para conquistar um bom posicionamento estratégico na reorganização do tabuleiro do mercado, em um futuro processo de retomada econômica. 

5 dicas para enfrentar a crise econômica

O coronavírus e seus desdobramentos na economia mundial trará grandes desafios para as organizações. Porém, é preciso ter em mente que é possível tomar decisões e atitudes eficazes, em prol da minimização de riscos e prejuízos durante a crise econômica.

Para isso, listamos 5 ações úteis para a sua empresa (independente do tamanho) superar este momento difícil. São elas:

1. Adapte rapidamente seu negócio ao mundo online

Estamos na quarentena, em processo de isolamento social. Isto significa que grande parte dos negócios (tirando os essenciais) foram forçados a suspenderem suas atividades. 

Aproveite o momento e potencial da empresa para o mundo online. (Fonte da imagem: Época Negócios Globo)

Contudo, esta paralisação é uma oportunidade para colocar de vez o seu negócio no mundo online. Seja criando um modelo de trabalho home office para seus funcionários, investindo em marketing digital, ou criando uma loja online ou aplicativo para vender seus produtos.

O importante é aproveitar o infinito potencial que a internet traz, para diversas áreas de operação da sua empresa. Acelere ainda mais esta adaptação, para colher os frutos em um futuro pós pandemia do coronavírus.

2. Aprofunde relações com clientes e stakeholders

Um ponto que todos os especialistas concordam é que esta crise econômica mudará as relações interpessoais. No mundo dos negócios, não será diferente.

Entenda quais são as reais necessidades dos seus clientes e fornecedores, e ofereça uma parceria mais profunda. Com fornecedores, procure renegociar prazos de modo que ambos saiam ganhando no final.

Já para clientes, pense em novas formas de pagamento. Uma estratégia pode ser propor uma venda futura com preços mais atraentes (pacotes de desconto).

Encontre uma forma de estender e fortalecer laços, pois isto será fundamental no longo prazo.

3. Melhore seus sistemas de informação e desempenho

Primeiro, procure dados confiáveis para alimentar este sistema. De acordo com uma pesquisa realizada pela consultoria PWC, 75% das empresas entenderam a importância de ter informações reais na tomada de decisões em meio de uma crise econômica. 

Depois, procure estabelecer os KPI’s (Indicadores de Performance Chave) mais importantes, e os observe diariamente. Isto ajudará a criar uma previsibilidade mínima, independente do rumo da crise.

Por fim, otimize este sistema constantemente, revisando processos internos e desenvolvendo um plano econômico para a empresa, factível e eficiente.

4. Hora da inovação e melhoria de processos

Mais do que nunca, é hora de inovar! Peça a seus funcionários novas ideias e propostas, para fazer diferente e melhor. E não pense que processos inovadores demandam grandes investimentos. Neste cenário, menos é (continua sendo) mais. 

Mesmo em tempos de pandemia, orientar as organizações para pequenas ações de melhoria contínua de baixo custo (ex: avisos para apagar a luz, em cada sala da empresa), é algo que fará total sentido e que será regra daqui para frente.

5. Fortaleça as lideranças mais eficazes

Em uma grande tormenta no oceano, o navio que possuir um capitão orientado para tomar as melhores decisões terá as maiores chances de escapar da tempestade com sucesso, sem grandes danos.

Valorize seus líderes. (Fonte da imagem: El Comercio)

Ou seja, entenda quem são e valorize os líderes mais eficazes, pois serão eles que conduzirão com proatividade sua empresa para um porto seguro, dentro de uma crise econômica. Uma das muitas formas de valorização é a capacitação contínua deste profissional. Além disso, o ensino a distância é um grande aliado nesse processo.  

A Unigran EAD entende que somente por meio de uma educação de qualidade, seja possível formar líderes capazes de enfrentar esta futura crise que se avizinha, imposta pelo coronavírus. 

Por isso, você pode investir no seu crescimento continuo com os MBA’s de Comunicação e Marketing e  Gestão Empreendedora de Negócios. E o melhor de tudo: você poderá fazê-los sem sair de casa! Faça já sua matrícula!


Postagens Relacionadas